Acreditamos que um bom aproveitamento da avaliação é fundamental no processo de ensino-aprendizagem – independente do modelo pedagógico – hoje ou em 100 anos.

Nosso propósito é garantir que avaliar seja fácil, acessível e relevante.

Inovação é o nosso
modus operandi.

Para realizar o nosso propósito, investimos constantemente em inovação, aplicando aos nossos produtos as mais recentes tecnologias. Além disso, mantemos o diálogo aberto com os nossos clientes. Assim oferecemos a melhor experiência para o usuário, com recursos amigáveis e velozes.

“Nosso mundo está mudando rapidamente: do carro elétrico à inteligência artificial do Google. Está na hora da educação viver isso também.”

Ricardo Vieira Fritsche
Cofundador da Meritt

Educação baseada
em evidências.

Ao organizar e dar vida aos dados de cada aluno, ajudamos as escolas a consolidarem um processo de ensino mais inteligente e personalizado, resultando em uma educação de melhor qualidade.

“Somente com inteligência nos dados poderemos garantir que o professor atue exatamente no ponto de mais necessidade para os alunos.”

Alexandre Augusto de Oliveira
Cofundador da Meritt

Nossa história.

Já acumulamos quase 10 anos de experiência em projetos com diversas instituições: redes públicas, escolas privadas e terceiro setor. Ao trabalhar com diferentes provas, simulados, avaliações de larga escala e portais públicos, conseguimos desvendar diferentes possibilidades de uso de dados em educação.

Conheça alguns destaques dessa jornada:

  • 2008 A inspiração.

    Tudo começou em sala de aula, quando eu (Alexandre Oliveira) registrava em uma planilha os dados detalhados de desempenho dos meus alunos nas provas. Em Florianópolis, conheci o Ricardo Fritsche – cientista da computação apaixonado por tecnologia e design – e começamos a conversar sobre as possibilidades do uso de dados em educação.

  • 2009 Validando a ideia.

    Fundamos a Meritt e começamos a desenvolver os primeiros sistemas para lidar com as avaliações externas de diferentes municípios, além de simulados de cursos preparatórios. Ao longo dos anos ampliamos a base de clientes e evoluímos os nossos sistemas.

  • 2010 O primeiro portal público.

    Ao constatar a demanda por dados detalhados, criamos um portal pioneiro sobre o IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). Totalmente aberto e gratuito, o Portal Ideb teve mais de 1 milhão de visitas e ajudou a sociedade a perceber a importância de dar vida aos números de forma amigável e didática. Hoje ele está integrado ao QEdu.

  • 2012 Uma base de dados gigantesca.

    No final de 2012 lançamos o QEdu, a maior plataforma de dados da educação básica no Brasil, em parceria com a Fundação Lemann. A plataforma é um grande sucesso e já soma mais de 4 milhões de visitantes, além de incontáveis depoimentos de uso por secretarias de educação e escolas públicas. Devido a sua grande relevância e impacto social, em 2016 o QEdu se tornou uma instituição independente.

  • 2013 Alfabetização para todos.

    Neste ano iniciamos um grande projeto com a Fundação Itaú Social, direcionado para a etapa de alfabetização das escolas públicas. No projeto, denominado Provinha Brasil+, criamos um sistema para capturar e aferir o nível de alfabetização das crianças do 2º ano do ensino fundamental. O sistema ficou no ar por cerca de 2 anos e beneficiou inúmeras escolas públicas.

  • 2015 Ensino médio baseado em evidências.

    Apesar do grande crescimento do Enem, notamos que as escolas estavam carentes de dados precisos sobre o desempenho dos seus alunos no exame. Dessa percepção nasceu o +Enem, uma plataforma que ajuda a escola a se especializar no Enem e priorizar o que ensinar através do uso de dados. Hoje o +Enem já ajuda mais de 250 escolas a se destacarem na avaliação.

  • 2016 Uma plataforma completa.

    Após ter acumulado experiência com vários projetos e diferentes públicos, decidimos concentrar as nossas ações na criação de uma plataforma única de avaliação, oferecendo uma devolutiva pedagógica consistente e útil, independente do tipo de avaliação. Ainda, passamos a explorar áreas novas, como a correção automática de folhas de respostas e aplicação de provas online.

  • 2017 Consolidando a Plataforma Meritt.

    Vamos juntos? :)


    Alexandre Oliveira
    Ricardo Fritsche